Informações técnicas


Este blog é dedicado à divulgação das atividades do Clube de Astronomia e do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé do Colégio Militar de Porto Alegre.

Localização

Pátio do 1º CTA, Rua Cleveland, 250, com entrada pelo 1º CGEO, antiga 1a. DL, bairro Santa Tereza, Porto Alegre

Rio Grande do Sul – Brasil

30º03’55”SUL 51º13’04”OESTE

Altitude: 69m

Características óptico-físicas do telescópio Celestron C11

Sistema óptico: Catadióptrico Schmidt-Cassegrain; Abertura (D): 11pol (279,4mm); Distância focal do espelho primário(F): 110,2 pol (2799,1mm); Razão focal (número f) = F/D: f/10; Maior aumento útil: 660X; Menor aumento útil: 42X; Poder de resolução (s) = 11,6”/D: 0,42”; Resolução fotográfica: 200 linhas/mm; Poder de concentração de luz: 1593X; Magnitude visual limite m lim = 7,5 + 5log (D): 14,73; Foco próximo com ocular: 60’; Foco próximo com câmera: 60’; Comprimento do tubo óptico: 25 pol (635,0mm); Massa: 27,5 libras (12,5kg).

Características óptico-físicas do telescópio Celestron CPC800

Sistema óptico: Catadióptrico Schimidt-Casegrain; Abertura: 8pol (203,2mm); Distância focal: 2032mm (80”); Número f: f/10; Maior aumento útil: 480X; Menor aumento útil: 29X; Poder de resolução: 0,57”; Resolução fotográfica: 200linhas/mm; Poder de concentração de luz: 843X; Magnitude visual limite: 14,04; Comprimento do tubo óptico: 17” (43,18cm); Massa: 42 libras (19,1kg).

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Galileu Teacher Training Project (GTTP) 2009


Na sexta-feria passada, 24 de julho de 2009, o Prof. Gentil Cesar BRUSCATO, concluiu sua participação no evento "ENCONTROS COM O UNIVERSO", promovido pelo Instituto de Física da UFRGS e o Planetário José Baptista Pereira. O Encontro foi ofertado e dirigido para professores do ensino básico, estudantes do ensino superior e pessoas interessadas em astronomia com Ensino Médio completo. Nas datas de 20 e 21 aconteceu o curso de extensão "Explorando o Universo"; nos dias 22, 23 e 24 aconteceu o workshop "Programa de Treinamento de Professores Galileu" (Galileu Teacher Training Project - GTTP - 2009), onde, além do Prof. Bruscato, participaram professores de várias as partes do mundo. E como já havíamos noticiado antes (24/07/2009) o evento terminou com uma visita ao Observatório Capitão Parobé.
Desse evento, o Prof. Bruscato trouxe muitas novid
ades e grandes projetos de pesquisa em astronomia voltados para a educação básica e fundamental, que incluem a nossa participação.
Além disso, acabamos nos incluindo no mapa mundial do GTTP, do Googlemaps, tornando-nos um polo de referência como Clube de Astronomia, entre tantas escolas e universidades espalhadas pelo mundo.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

É tempo de ver a Estação Espacial Internacional (ISS) e planetas


A Estação Espacial Internacional (International Space Station, ISS) estará cruzando os céus de Porto Alegre nas datas e horários listados na tabela abaixo. Como interpretar a tabela? Na data escolhida, a magnitude (Mag.) significa a intensidade do brilho. Quanto mais negativa a magnitude, mais brilhante é o astro (por exemplo, a estrela Sirius, alfa-Canis Majoris, tem magnitude -1,09 e a "Intrometida", epsilon-Crux, do Cruzeiro do Sul, tem magnitude +3,58). A coluna seguinte mostra o horário (Time) em que inicia (Starts) o aparecimento e sua altura (Alt.), em graus, no céu em relação ao horizonte e em qual ponto do azimute (Az.), sudoeste (SW), nordeste (NE), etc. A última coluna, também dividida em outras três colunas, mostra o horário do desaparecimento (Ends), a altura e o azimute.

Tabela (http://www.heavens-above.com)

DateMagStartsMax. altitudeEnds
TimeAlt.Az.TimeAlt.Az.TimeAlt.Az.
30 Jul-0.306:26:5210SSE06:27:5511SE 06:28:5810SE
31 Jul-2.006:49:5710SSW06:52:4337SE 06:55:2710ENE
1 Aug-0.305:40:4610SSE05:41:5212SE 05:43:0510ESE
2 Aug-2.206:04:4217SSW06:06:3639SE 06:09:2110ENE
3 Aug-2.606:28:4413WSW06:31:0236NW 06:33:4410NNE
4 Aug-1.405:21:2030E 05:21:2030E 05:23:1110ENE
5 Aug-2.005:45:3129NNW05:45:3129NNW05:47:2710NNE

Para quem gosta, ou tem obrigação, de acordar cedo, um espetáculo se apresenta no céu. Até as 7h10min, mais ou menos, poderemos encontrar no céu Vênus, Marte e Júpiter alinhados. Após esse horário a claridade do dia irá se sobrepor aos brilhos dos astros. Vênus e Júpiter são muito fáceis de ver: são dois faroletes brilhantes no céu! Vênus (m = -4,0) é visível mirando-se o azimute NE, a 25° de altura; Júpiter (m = -2,8) encontra-se no azimute W a quase rente ao horizonte, a 7° de altura. Marte se encontra à esquerda de Vênus, separado em 14,5° (a largura da palma da mão mais a largura dos dedos indicador, médio, anular e mínimo da mão, juntos, com o braço esticado) com brilho bem menor e amarelado (m = +1,1). Acima de Marte, formando um triângulo com este e Vênus, encontramos uma estrela amarelada, Aldebarã, de Taurus, um pouco mais brilhante (m = +0,75) que Marte.
Para quem não gosta de acordar cedo com esse frio que anda fazendo, ate as 21h00min é possível enxergar na direção W Saturno (m = +1,1) em direção diametralmente oposta à de Júpiter (que nesse horário está nascendo em E). Não tem como errar: Júpiter é o objeto mais brilhante que possa aparecer no leste.