Informações técnicas


Este blog é dedicado à divulgação das atividades do Clube de Astronomia e do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé do Colégio Militar de Porto Alegre.

Localização

Rua Cleveland, 250, bairro Santa Tereza, Porto Alegre

Rio Grande do Sul – Brasil

30º03’55”SUL 51º13’04”OESTE

Altitude: 75m

Características óptico-físicas do telescópio Celestron C11

Sistema óptico: Catadióptrico Schmidt-Cassegrain; Abertura (D): 11pol (279,4mm); Distância focal do espelho primário(F): 110,2 pol (2799,1mm); Razão focal (número f) = F/D: f/10; Maior aumento útil: 660X; Menor aumento útil: 42X; Poder de resolução (s) = 11,6”/D: 0,42”; Resolução fotográfica: 200 linhas/mm; Poder de concentração de luz: 1593X; Magnitude visual limite m lim = 2,5 . log (D / 6,2) 2 + mVS: 14,7; Foco próximo com ocular: 60’; Foco próximo com câmera: 60’; Comprimento do tubo óptico: 25 pol (635,0mm); Massa: 27,5 libras (12,5kg).

Características óptico-físicas do telescópio Celestron CPC800

Sistema óptico: Catadióptrico Schimidt-Casegrain; Abertura: 8pol (203,2mm); Distância focal: 2032mm (80”); Número f: f/10; Maior aumento útil: 480X; Menor aumento útil: 29X; Poder de resolução: 0,57”; Resolução fotográfica: 200linhas/mm; Poder de concentração de luz: 843X; Magnitude visual limite: 14,7; Comprimento do tubo óptico: 17”; Massa: 42 libras (19,1kg).

terça-feira, 28 de junho de 2011

Alunos do Curso de Licenciatura em Geografia da UCS visita o Observatório Capitão Parobé

Na tarde do dia 25 de junho passado, sábado, cinco alunos do Curso de Licenciatura em Geografia da Universidade de Caxias do Sul, Campus de Bento Gonçalves, e sua professora, visitaram as dependências do Laboratório de Física e as dependências do Observtório Astronômico Didático Capitão Parobé. Devido ao péssimo tempo que fazia naquele dia não conseguimos fazer obervações do céu. Porém, driblamos essa dificuldade substituindo por outras atividades. Independentemente do mau-tempo subimos até as dependências do Observatório e lá mostramos o funcionamento do telescópio Celestron de 11 polegadas, manejo e cuidados, o funcionamento do teto móvel e conversamos sobre atividades que atualmente estão em andamento e projetos futuros. Após essa participação no ambiente do Observatório retornamos ao CMPA, onde, novamente no Laboratório de Física, organizamos uma roda de discussões sobre diversos assuntos relacionados à astronomia e astronáutica, tomando como base um conjunto de questões que os alunos e professora organizaram previamente e utilizando como recursos didáticos o software Stellarium e vídeos do YouTube. Comapreceram ao evento a professora Márcia Berreta e os alunos Artur Casagranda, Cleiton A.Vieira, Leonardo Dutra, Evandra Piazza e Daniele Rita de Mattos. Ao final do evento firmamos compromisso de juntarmos esforços para futuras atividades de observação do céu, tanto utilizando o Observatório Capitão Parobé, quanto utilizando os diferentes ambientes despoluídos de luz das cidades, que permeiam a Serra Gaúcha.