Informações técnicas


Este blog é dedicado à divulgação das atividades do Clube de Astronomia e do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé do Colégio Militar de Porto Alegre.

Localização

Pátio do 1º CTA, Rua Cleveland, 250, com entrada pelo 1º CGEO, antiga 1a. DL, bairro Santa Tereza, Porto Alegre

Rio Grande do Sul – Brasil

30º03’55”SUL 51º13’04”OESTE

Altitude: 75m

Características óptico-físicas do telescópio Celestron C11

Sistema óptico: Catadióptrico Schmidt-Cassegrain; Abertura (D): 11pol (279,4mm); Distância focal do espelho primário(F): 110,2 pol (2799,1mm); Razão focal (número f) = F/D: f/10; Maior aumento útil: 660X; Menor aumento útil: 42X; Poder de resolução (s) = 11,6”/D: 0,42”; Resolução fotográfica: 200 linhas/mm; Poder de concentração de luz: 1593X; Magnitude visual limite m lim = 7,5 + 5log (D): 14,73; Foco próximo com ocular: 60’; Foco próximo com câmera: 60’; Comprimento do tubo óptico: 25 pol (635,0mm); Massa: 27,5 libras (12,5kg).

Características óptico-físicas do telescópio Celestron CPC800

Sistema óptico: Catadióptrico Schimidt-Casegrain; Abertura: 8pol (203,2mm); Distância focal: 2032mm (80”); Número f: f/10; Maior aumento útil: 480X; Menor aumento útil: 29X; Poder de resolução: 0,57”; Resolução fotográfica: 200linhas/mm; Poder de concentração de luz: 843X; Magnitude visual limite: 14,04; Comprimento do tubo óptico: 17” (43,18cm); Massa: 42 libras (19,1kg).

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

NASA transmite a aproximação do Asteróide



A NASA TV promoverá debates e comentários desde as 14h da sexta-feira, dia 15 de fevereiro, durante a aproximação, mas sem perigo, de um pequeno asteróide denominado “2012DA14”. A NASA colocou como prioridade o acompanhamento de asteróides e a proteção de nosso planeta. Essa aproximação providenciará uma oportunidade única para os pesquisadores para estudar um objeto desse tipo tão próximo de nós.

Para nós, em Porto Alegre, o asteróide estará abaixo do horizonte, sendo, por isso, impossível de acompanhá-lo com qualquer instrumento. Nos resta então assistir a transmissão a partir do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da NASA, em Pasadena, Callifórnia, que irá incorporar animações em tempo real para mostrar a localização do asteróide em relação ã Terra, junto com vistas ao vivo ou em tempo real do asteróide a partir de observatórios localizados na Austrália, se assim as condições climáticas o permitirem.

No momento de sua maior aproximação da Terra, em torno de 17h25, o asteróide se encontrará a aproximadamente 27.600 quilômetros da superfície terrestre. Medindo aproximadamente 50 metros de largura, 2012 DA 14 pode ser comparado em tamanho com a metade de um campo de futebol. Desde que as observações regulares começaram nos anos 1990, os astrônomos nunca viram um objeto desse tamanho se aproximar tanto do nosso planeta.  O asteróide passará tão próximo da Terra quanto se encontram os satélites artificiais.

Os comentários e as transmissões online serão transmitidos via NASA TV nos endereços http://www.nasa.gov/ntv e http://www.ustream.tv/nasajpl2 .